Naruto, o shounen que me trouxe para esse mundo

Gêneros de animes e seus significados

Os 4 principais gêneros de anime

Hoje vamos falar desses termos tão recorrentes no mundo dos animes, mas que muitas vezes têm seu significado não compreendido. Vamos nos atentar primeiramente que essas palavras se referem a públicos alvo mais do que gêneros propriamente ditos, como romance ou terror, por exemplo.

Apesar de a divisão não ser clara em toda obra, os públicos são divididos da seguinte maneira:

ShounenHomens entre 8 e 18 anos
SeinenHomens maiores de 18 anos
ShoujoMulheres entre 8 e 18 anos
JoseiMulheres maiores de 18 anos
Gêneros de anime

Então eu sou homem/mulher e não posso assistir outros estilos?

Parece uma pergunta boba, mas já vi muita gente perguntando coisas desse tipo em fóruns de anime. Como, por exemplo, um garoto perguntando se era normal ele gostar de shoujo. A resposta aqui é bastante óbvia. Sim, é completamente natural um garoto gostar de shoujo ou uma garota ser apaixonada por shounen. Essa divisão apenas nos diz que não foi pensando nesse público que a obra foi produzida.

Na verdade, hoje em dia essas divisões estão bem mais flexíveis. Prova disso é que muitos animes shounen passaram a ter personagens emocionalmente envolventes e adquiriram traços mais leves como podemos ver em uma comparação entre Yu Yu Hakusho e Naruto.

Traços mais pesados além de cores frias nos ambientes
Traços mais pesados além de cores frias nos ambientes.

Um visual mais alegre e mais cheio de cores, dando um ar de alegria.
Um visual mais alegre e mais cheio de cores, dando um ar de alegria.

Adaptação essa, que muito provavelmente teve como objetivo atrair outros públicos a acompanharem obras desse tipo.

Maturidade e conteúdo envolvido

Apesar de qualquer pessoa poder assistir qualquer obra, elas possuem essa divisão por dois principais motivos:

  1. O nível de maturidade envolvida na história

    Muitas vezes a história envolve muitos fatores psicológicos que exigem um certo nível de maturidade para serem entendidos. Um exemplo clássico disso é “91 Days” que é provavelmente meu seinen favorito.

    A história gira em torna da vingança de Avílio Bruno contra os assassinos de seu pai, que são membros da máfia. O valor dessa obra para uma pessoa de 12 anos com certeza será muito diferente do que para uma de 20, por exemplo.
  2. O conteúdo envolvido

    Muitas vezes o anime vai tratar de temas adultos, que não se limitam apenas a sexo, podendo conter também: violência extrema, trabalho e até mesmo discussões filosóficas que seriam complexas demais para um determinado público.

Essa divisão entre idades fica um pouco mais clara nos mangás onde os kanjis aparecem sem os furiganas, que servem para auxiliar na leitura dos mesmos, já que se supõe que o público adulto possua conhecimentos mais amplos com relação à língua japonesa. Pode ocorrer também o uso de uma linguagem um pouco mais culta dependendo da obra.

 Shounen

Shounen  significa “menino” ou “garoto jovem” e por isso essa palavra é utilizada com frequência para se referir à demografia de adolescentes entre 8 e 18 anos. Com o tempo, apesar de ser uma palavra para se referir à um público alvo, passou a ser tratada como um estilo de anime, com as características mais comuns nas obras feitas para esse público.

Os shounen normalmente contam com a super valorização da ação além de características fantasiosas como superpoderes, logo eles sempre foram carregados de ficção científica, super-heróis, e fantasia.

Existem variações na quantidade e intensidade de violência nesse tipo de obra, o que levou a várias cenas censuradas em diversas obras exibidas na televisão ocidental. Eu apostaria um rim saudável que Inuyasha teve muito mais cenas cortadas do que Pokémon, por exemplo.

Acima de tudo, há também todo um caráter educativo nas obras, muito provavelmente pensando em como elas podem influenciar os adolescentes. Prova disso, o famoso protagonista que nunca desiste dos seus sonhos e por isso se torna cada vez mais forte, finalmente realizando-os com um final feliz.

Algumas características comuns são:

  • São extremamente idealistas
  • Tudo da certo no final
  • Os vilões acabam se tornando bons
  • União entre herói e anti-herói para derrotar um inimigo poderoso

Naruto and Sasuke vs Momoshiki | Boruto: Naruto Next Generations

Devido à sua imensa popularidade, o gênero shounen é de extrema importância para o Universo Otaku, sendo responsável por maior parte das vendas. É bastante comum que as pessoas automaticamente associem a palavra anime à memória de um shounen que assistiram em sua infância na televisão.

Os Sete Pecados Capitais

Gostaria de citar aqui “Os Sete Pecados Capitais” ou com o nome original, “Nanatsu no Taizai”, que é atualmente o anime mais assistido na Netflix (imagine só se fôssemos contar a quantidade de pessoas que assistem em aplicativos não oficiais).

Meliodas, Nanatsu no Taizai
Meliodas, Nanatsu no Taizai

Considerado por muitos uma obra de arte entre os Originais Netflix, o anime serve em muitos casos como porta de entrada para o mundo dos animes, devido à facilidade de acesso e a grande qualidade das animações.

Só para ter uma ideia do sucesso do anime, ele é o único a aparecer na lista das 20 produções originais mais maratonadas na Netflix.

Shoujo

Shoujo significa “menina”, ou seja, são as obras feitas tendo em mente especificamente como alvo o público feminino entre 8 e 18 anos. Geralmente o shoujo puxa mais para o lado sentimental, incluindo coisas como primeiro beijo e relacionamentos.

As protagonistas costumam ser mulheres em período escolar para facilitar a conexão com o seu público alvo. Os gêneros mais comuns nos shoujos são:

  • Romance
  • Aventura
  • Comédia

Homens podem assistir shoujo?

É muito comum ouvir essa pergunta, ainda mais com uma cultura tão machista quanto a nossa onde frequentemente são repetidas coisas como: “homem não chora”, “isso é coisa de menina”.

Como já dito antes: relaxa, está tudo bem. Na verdade, assistir esse tipo de obra pode até mesmo te ajudar com sua inteligência emocional. Se por um lado um shounen trabalha coisas como a motivação, esforço, e proatividade, um shoujo vai lidar com sentimentos, e relações que tendem a ser um pouco mais complexas.

Por favor, não se assuste com todos aqueles efeitos cor de rosa. Eles estão lá para o seu próprio bem. 

Cardcaptor Sakura

Acredito que o melhor exemplo possível para ilustrar um pouco desse estilo é Cardcaptor Sakura, que foi exibido no Brasil em 2001, e provavelmente está descansando no fundo da sua memória.

Sakura, de dez anos, vive uma vida bastante normal com seu irmão mais velho, Toya, e seu pai viúvo, Fujitaka. Ou ela vivia, até o dia em que voltou para casa da escola para descobrir um livro brilhante no escritório de seu pai. Depois de abrir o livro e liberar as cartas dentro, Sakura é encarregada de coletar cada uma dessas cartas mágicas, enquanto tenta viver a vida de uma aluna normal da quarta série. Na tarefa monumental de coletar todas as cartas, Sakura deve contar com seus amigos e familiares e decidir o que ela acha mais importante na vida.

Cardcaptor Sakura
Cardcaptor Sakura

Na época foi um anime bastante diferente dos padrões com os quais estávamos acostumados, cheios de lutas e ação, como no caso de Dragon Ball, Cavaleiros do Zodíaco e Yu Yu Hakusho.

Lovely Complex

Lovely Complex
Lovely Complex

Koizumi acabou de entrar no colegial e está com um probleminha: ela é uma garota super-alta! Já seu colega de sala Otani tem outro dilema: ele é um nanico que quer entrar no time de basquete. Eles vivem implicando um com o outro, e acabam apostando pra ver quem vai arranjar um amor primeiro antes da formatura. Mas com o passar dos meses, Koizumi começa a enxergar Otani de outra maneira: ele é divertido, gosta das mesmas coisas que ela, e talvez ela veja nele mais do que um simples amigo. Baseado no sucesso de Aya Nakahara, Lovely Complex é um romance divertido com aquele toquezinho de Osaka!

Seinen

Aqui temos as obras voltadas para o público masculino adulto, que é o significado de seinen. Isso se deve à vários fatores, podendo incluir linguagem inadequada para menores, assuntos densos, rotina de trabalho, faculdade, críticas sociais e sexo explicito. Estes motivos e outros não listados, tornam um seinen não adequado para menores de idade, e alguns casos, o mesmo não prenderia o interesse de grande maioria dos leitores.

Além disso, a mensagem transmitida por um seinen é muito diferente de um shounen, já que este não tem o caráter idealista dos shounen. Dessa maneira, um personagem pode obter resultados sem fazer esforço algum. Finais felizes nem sempre fazem parte do cardápio e merdas acontecem.

Tudo isso poderia passar uma mensagem negativa ao público jovem que ainda não está preparado para lidar com essas questões mais complexas e inevitáveis da vida.

91 Days

91 Days
91 Days

Durante a Lei Seca, a lei não tinha poder e a máfia comandava a cidade. A história se passa em Lawless, uma cidade que depende da venda de bebidas ilegais no mercado negro. Avilio retorna a Lawless após algum tempo, ao saber que sua família foi assassinada em uma briga de mafiosos. Um dia, Avilio recebe uma carta de um misterioso remetente, convidando-lhe a voltar para Lawless e se vingar. Ele se infiltra na família Vanetti, os responsáveis pelo assassinato de sua família, e faz amizade com Nero, o filho do don, para iniciar sua vendetta.

One-Punch Man

One-Punch Man
One-Punch Man

Saitama é um cara que virou herói por diversão. Depois de realizar um “treino especial” por três anos, ele ficou tão poderoso que consegue derrotar qualquer oponente com um único soco. Agora, ao lado de Genos, seu fiel discípulo ciborgue, Saitama está pronto para encarar seus deveres como herói profissional da Associação de Heróis. Contudo, monstros têm aparecido com frequência cada vez maior, o que confirma as profecias da Grande Vidente Madame Shibabawa sobre o fim da Terra. E em meio a toda essa crise, surge Garou, o “caçador de herois.”

Curiosidades

  • Apesar de os shounen serem os animes e mangás mais conhecidos no Ocidente, no Japão os seinen fazem praticamente o mesmo sucesso que os shounen.
  • Por serem obras mais densas, é mais comum que sejam adaptadas para filmes, seriados, minisséries e novelas com atores reais, o chamado j-drama.

Josei

Assim como temos o seinen  que significa “homem adulto”, temos também o josei que quer dizer “mulher adulta”. Essas obras que tem como alvo o público feminino adulto costuma tratar da vida adulta e do cotidiano de uma mulher de forma um pouco mais realista, algo que não acontece em um shoujo.

Assim como o seinen, o josei é marcado pela imensa liberdade para a criação das histórias, podendo conter cenas de sexo explícito sem tratá-las de maneira pornográfica como acontece em um hentai por exemplo. No geral o foco vai para os romances da vida adulta, trabalho e situações familiares.

É importante pontuar também que pelas características citadas acima, não há pressão para se criar brinquedos e jogos baseados em josei e seinen. Mais um vez estamos falando de obras que são adaptadas com mais frequência dos mangás para j-drama, com atores reais. De todo modo, mantenha a calma, você pode encontrar maravilhosos animes desse estilo, mesmo que em menor quantidade.

Mas onde entra o slice of life Marcos?

Diante de todas as características apresentadas fica fácil perceber em quais desses tipos de obra vamos encontrar o gênero slice of life com mais frequência não é mesmo? Exatamente o que você está pensando: josei e seinen, acontecendo também nos shoujos, com grande presença do ambiente escolar.

Se você esqueceu o que é slice of life, temos um artigo completo sobre o que é slice of life e várias indicações de animes para iniciar sua jornada. De maneira resumida são animes e mangás que tratam do dia a dia de um personagem, logo existe uma imensa sinergia com os josei e seinen. Muito provavelmente vamos estar falando sobre vários deles no futuro desse blog.

Paradise Kiss

Paradise Kiss
Paradise Kiss

Estudante do terceiro ano do ensino médio,  Yukari Hayasaka não tem tempo para bobeiras. Ela precisa estudar muito para ir bem nos exames para faculdade. Ela não se importa com a universidade que ela entre, apenas sair da cidade importa. Infelizmente seus pais têm outra opinião…

Considerações finais

Se colocarmos na balança as características das quatro demografias apresentadas e explicadas aqui, podemos perceber que existem algumas coisas simples que diferenciam as obras para o público jovem e adulto.

Enquanto as obras shounen e shoujo possuem um caráter fantasioso e idealista, onde tudo acaba dando certo no final e os vilões muitas vezes se tornam aliados, os seinen e josei não tem espaço para isso. Estamos lidando com histórias mais realistas e que nem sempre vão terminar bem, assim como na vida, nunca há garantia de que tudo dará certo, ou de que seu esforço será recompensado e reconhecido.

Apesar desses quatro termos terem surgido para separar os públicos para os quais os mangás eram destinados, com o tempo elas foram incorporando as características principais das obras de cada público e se tornando uma espécie de estilo. Exemplo claro disso é o shounen, que é claramente identificado como um anime que possui ação e lutas.

Aqui me despeço na esperança de este artigo tenha esclarecido muitas dúvidas que vocês possam ter, não deixe de seguir o blog e comentar. Aqui as discussões são saudáveis e divertidas. Vejo vocês em breve seus otakus fedidos, se cuidem.

Carinhosamente
Marcos Mariano

4 comentários em “Gêneros de animes e seus significados”

  1. Pingback: Jujutsu Kaisen é o melhor shounen de 2020 – Pousada Nerd

  2. Pingback: 5 melhores animês adultos – Pousada Nerd

  3. Pingback: 8 livros cheios de aprendizados – Pousada Nerd

  4. Pingback: As duas lendas coreanas mais legais – Pousada Nerd

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.