Quem faz tatuagem pode doar sangue?

Não é segredo para ninguém que, atualmente, várias pessoas amam e possuem diversas tatuagens espalhadas pelo corpo.

Essa situação que alguns anos atrás ainda era um tabu, e vista pela sociedade de forma completamente ruim, vem mudando bastante. 

Hoje em dia é talvez mais fácil encontrar alguém tatuado do que uma pessoa que não possua ou que seja contra as marcas no corpo, principalmente entre o público mais jovem.

Quem faz tatuagem pode doar sangue?
Quem faz tatuagem pode doar sangue?

Apesar de ter se tornado uma tendência e ser amado por muitas pessoas, o ato de se tatuar, além de toda a estética bonita e diferenciada pode trazer alguns contratempos.

Elas podem causar vermelhidões, alergias, inflamações, infecções, e alguns outros problemas. Além disso, exigem alguns cuidados específicos, principalmente durante o período de cicatrização, e depois também, a exemplo da proteção contra o sol. Isso tudo sem contar com a dor extrema sentida ao realizar uma dessas marcas.

No meio de todos esses contratempos, existe o de restrições quanto a doação de sangue. Para você ficar por dentro, explicaremos tudo sobre a relação entre tatuagens e doar sangue, então leia com atenção.

Quem faz tatuagem é proibido de doar sangue?

Segundo o Tattoolandia, ao contrário do que algumas pessoas pensam, quem faz tatuagens, ou possui alguma, ainda que antiga, pode sim, doar sangue.

Muitas pessoas acabam tendo em mente que alguém que já fez uma tatuagem é proibido de doar sangue, o que é uma mentira. Esse público pode ser doador, entretanto necessita de um requisito que será tratado posteriormente.

Uma pessoa que se tatuou e deseja doar sangue, deve esperar cerca de 12 meses para que a doação possa ser feita. 

Shows do Hololive Onde ver, quanto ...
Shows do Hololive Onde ver, quanto custa e como funciona

Porque esperar esse tempo?

O prazo de um ano deve ser guardado, pois, esse é o período necessário para que o sangue extraído, e posteriormente utilizado, esteja livre de qualquer impureza ou contaminação.

Você pode gostar:  Business Travel Guides and Tips

Ainda que o sangue retirado passe por diversos exames, que garantam sua pureza, existem algumas doenças, que mesmo já estando ativas no organismo não são detectadas em exames se tiverem sido contraídas recentemente.

Portanto, se você se tatuou e deseja realizar a doação de sangue, certifique-se que já tem pelo menos um ano desde o procedimento. Afinal, o intuito da doação é ajudar, e não piorar a situação do paciente.

Uma personalidade mundial extremamente famosa, que causa muita discussão é o jogador do Manchester United Cristiano Ronaldo.

O craque português já evidenciou que não possui e nem pretende realizar nenhuma tatuagem justamente pelo fato de ser doador constante de sangue.

E uma vez que o atacante se tatuasse ele teria que ficar um ano sem doar.

O exemplo dele é seguido por muitos ao redor de todo o planeta, afinal, Cristiano é talvez a pessoa mais influente do mundo.

E aí, curtiu? Compartilhe conosco o que você achou a respeito da relação entre tatuagens e doação de sangue!

Aproveite para nos seguir no Google Notícias e ficar por dentro de todas as novidades do site.

Imagem padrão
Marcos Mariano

Tenho 30 anos e sou apaixonado por jogos, animes, tecnologia, criptomoedas e literatura. Atualmente estudo Marketing Estratégico Digital e mato meu tempo escrevendo qualquer coisa que passe pela minha cabeça.

Artigos: 915

Atualizações da newsletter

Digite seu endereço de e-mail a seguir para assinar a nossa newsletter

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.