Resenha: Jogo do Gato Félix

O jogo do gato Félix é um jogo considerado de leilão e, também, de blefe. O jogo é da seguinte forma: cada participante irá receber uma mão de 10 cartas, lembrando que, todos irão ter a mesma carta, a única diferença entre elas serão as cores disponíveis para cada jogador. Depois, você terá que retirar uma carta de forma aleatória. Cada participante também receberá 15 dinheiros, por fim, sobrará com cada um apenas 9 cartas na mão. O objetivo principal desse jogo é você conseguir pegar a maior quantidade de gatos “positivos” (que no caso, são os gatos bons) e evitar os gatos “negativos” (que no caso, são os gatos maus), porém nessa fase, você terá que fazer isso gastando o mínimo de dinheiro possível, já que cada 1 de dinheiro é 1 ponto de vitória ao final do jogo, não se esqueça disso!

Jogo do gato Felix

Funções das cartas no Jogo do gato Félix

Vou te mostrar agora, como cada carta possui um valor e, também, uma função, segue abaixo:

Gatos “positivos” – tem o valor de: 3, 5, 8, 11 e 15

Gatos “negativos” – tem o valor de: 5 e -8

Coelho – tem o valor de: 0

Cães – O Pequeno (tem que retirar a carta de menor valor)

Cães – O Grande (tem que retirar a carta de maior valor)

Além dessas cartas que mostrei acima, o jogador ainda possui:

1 carta do “Gato no saco”

1 marcador de primeiro jogador

4 cartas de Camundongos – que tem o valor de:    2, 3, 4 e 6

76 dinheiros camundongos

Como jogar o jogo do gato felix

A vez em que você for jogar, o outro jogador irá escolher uma de suas 9 cartas e colocar de face para baixo, na posição que vai ficar bom para ele e, também, de acordo com a sua posição, vou explicar melhor: o jogador que venceu o leilão anterior vai se tornar o primeiro jogador da rodada a seguir, e, a partir disso, a ordem continuará sendo horária.

A primeira carta do jogo é sempre exposta a todos os jogadores depois que todos terem colocado a mesa suas cartas, as demais permanecem escondidas, e assim, cada jogador irá descobrir logo de início duas cartas que o jogo possui (a que cada um colocou sobre a mesa e a carta do primeiro jogador), porém, o único que não será beneficiado nesta parte é o primeiro jogador, e assim ele escolhe, ou abre o lance pelas cartas, ou passa a sua vez, lembrando que, se passar a vez ele estará fora do leilão e não poderá dar nenhum lance depois.

E cada vez que um jogador passar, uma carta terá que ser revelada, assim sucessivamente, até que no final do jogo sempre ficará dois jogadores e uma única carta escondida. Até que no final da rodada, irá ocorrer quando todos os participantes passarem, exceto um, ou seja, teve a escolha de não querer ou, não puderam separar o lance de um dos jogadores. O vencedor do jogo levará todas as cartas, tanto as positivas como as negativas, já os cães eliminam todas as cartas imediatamente após o término do leilão, assim, todos os gatos que forem assustados pelos cães não vão poder ir para o vencedor, terão que ser descartados. As apostas dos jogadores que perderam o leilão, voltam para eles.

De início, haverá dinheiro em cima das cartas de camundongo de acordo com o valor que está na carta, ou seja, 2,3,4 ou o número 6. Mas, lembre-se, somente no jogo com 5 pessoas que entram essas cartas de camundongo, se caso forem apenas 4 jogadores ficam as cartas de 2,4 e 6, agora no jogo com 3 pessoas ficam apenas as cartas de 3 e 6.

Todo jogador que passar a vez irá pegar o dinheiro que estiver em cima da carta de camundongo, neste caso, em um jogo com 5 pessoas, o 1° que passará vez irá pegar 2 dinheiros, se o 2° jogador passar o jogo irá pegar 3 dinheiros. E assim em diante continuará as rodadas. Quando não houver nenhum dinheiro no “banco” para colocar em cima de todas as cartas do jogo de camundongo, nenhum dinheiro é posto nas outras cartas, sendo assim, quem for passar a vez não irá levar dinheiro, conforme a rodada.

Exemplo de jogo

Vou citar aqui um exemplo de um começo do jogo de 5 participantes:

Em cima de cada carta de camundongo é colocado o valor do dinheiro e cada jogador escolhe uma carta e em ordem a coloca na posição da fileira.

O 1° jogador tem que revelar a carta que ele colocou, ex: o coelho de 0 pontos e diz que aposta 2 dinheiros.

O 2º jogador coloca um gato “positivo” de 5, então ele pode avaliar que vale apostar 3 dinheiros.

O 3º jogador colocou um gato “negativo” no valor de 8. Ele pensa em desistir e passar a vez. Porém só levará os 2 dinheiros de bônus (que é o da primeira carta de camundongo). Então decide blefar, para fazer os outros acreditar que é uma carta “positiva”, e por isso aumenta a aposta para 6 dinheiros.

O 4º jogador coloca um gato “positivo” no valor de 8. Como ninguém ainda passou, ele acredita que na carta do 2º e do 3º jogador não tem carta ruim, ainda mais por dobrar a aposta. O gato dele é protegido do Cão menor (o que remove a carta de menor valor) se a carta de menor valor for uma carta “positiva”, ele a remove também, pois já tem a carta do coelho valendo 0. Ele decide apostar 7 dinheiros.

O 5º jogador coloca um gato “negativo” no valor de 5. Então, ele sabe que a fileira vale 12 pontos (0 do Coelho, 5 da carta que ele colocou e 7 dos dinheiros que ele tem que cobrir). Assim, crendo que não haverá 12 pontos nas 3 cartas dos outros, ele passa a vez e pega os 2 dinheiros da carta de camundongo.

E assim vai andando o jogo até chegar o vencedor, que no caso é aquele que fizer mais pontos.

Você já conhecia o Jogo do gato Félix? Gostou da nossa indicação?

Confira também: Jogos estilo Amor Doce

Carinhosamente
Marcos Mariano

1 comentário em “Resenha: Jogo do Gato Félix”

  1. Marcos!
    Sepre gostei muito de jogos de salão, ms não conhecia esse jogo do Gato Félix.
    Achei interessante e tem de ser astuto e inteligente para poder jogar.
    cheirinhos
    Rudy

    Responder

Deixe uma resposta